1943 – Marjory Gage da Silva Prado e Jorge da Silva Prado compraram de Lafayette Branco Coelho a área de 134 alqueires denominado Sítio Pernambuco, que vai da cachoeira do pai Caetano até o outro lado do Sítio Perequê e tendo como fundo o rio do peixe que deságua no rio Perequê.

1946 – O Sítio do Pernambuco transforma-se em loteamento e constrói-se um pavilhão em frente a Ilha do Mar Casado, onde o casal passou a receber amigos e tornou-se a célula-master do futuro hotel Jequitimar.

Henrique Mindlin projetou o loteamento com todos os lotes de frente para o mar, assinou o golf-clube com 248.000 m2 e 9 buracos.

1950 – Fernando Eduardo Lee recebe da Marinha para fins científicos a Ilha dos Arvoredos com 37.000 m2 em frente à praia do Pernambuco para estudos na área de energia, biologia e oceanografia, numa época em que pouco se falava em energia alternativa, Lee já planejava energia eólica e montou um moinho para gerar energia elétrica. Hoje, para dar continuidade aos projetos científicos, a Unaerp incorporou a ilha ao seu campus para dar continuidade aos sonhos de Lee, falecido em 1997.

1962 – Inaugurado o hotel Jequitimar, nome dado por Dona Marjory a exótica árvore brasileira Jequitibá. O hotel com 66 apartamentos, restaurante, salão de convenções, boate e quadras de tênis. Era um estabelecimento simples, confortável e espaçoso, sem nenhum luxo, que seduzia pela beleza natural da praia e do ótimo atendimento aos hospedes ilustres e desconhecidos. Após sua inauguração, o hotel tornou-se um ambiente quase mitológico, por suas dependências desfilavam presenças como a Princesa Ira Von Fürtstenberg, Baby Pignatary, o embaixador americano Charles Elbrick, o governador Abreu Sodré, a novelista Françoise Sagam, os esportistas Pelé e Emerson Fittipaldi, e, entre outros atores famosos, podemos citar Kirk Douglas, Elza Martinelli e Florinda Bolkan.

Nos anos 70 as quadras do hotel foram palco de emocionantes torneios e ainda nessa época e nos anos 80, o hotel se transformou em uma galeria de arte a beira-mar. Hospedou grandes artistas e promoveu exposições de arte de nomes importantes como Flavio Carvalho, Tomie Otake, Mario Gruber, Ely Bueno, Gustavo Rosa e Di Cavalcanti, além do design de móveis Carlos Motta. Entre 65 e 77 o padre bem relacionado Don Domenico “passava o chapéu ”entre os endinheirados frequentadores do hotel e da praia para conseguir substanciais doações para as obras sociais do Guarujá.

1975 – Fundada a Sociedade Amigos do Bairro da Praia do Pernambuco, por um grupo de moradores no intuito de defender os interesses dos moradores, colaborar com os poderes públicos e fiscalizar os usos regulamentados da praia, esforçando-se em combater a poluição para torná-la mais limpa e segura.

1979 – Inaugurada a sede própria em um terreno doado por Dona Veridiana da Silva Prado. Preservar é fundamental.

1997 – O Hotel Jequitimar é vendido ao Grupo Silvio Santos.

2006 – Começa a construção do novo hotel, que terá 376 unidades, sendo 341 na costa e 35 bangalôs na Ilha do Mar Casado. O Hotel contará com uma Vila de Serviços com lojas, nightclubes, restaurantes, praça de alimentação, estacionamento e heliponto. O Jequiti Resort e Residence terá 36 unidades e contará com 3 quadras de tênis, área de lazer e vagas para barcos e jet-skis. Sua inauguração está prevista para dezembro de 2006.